quinta-feira, 30 de abril de 2009

Sustentabilidade – Apenas mais uma onda?



Sobrinho Mala: “Tiu, o que é Sustentabilidade???”

Segundo o Relatório de Brundtland (1987), sustentabilidade é: "suprir as necessidades da geração presente sem afetar a habilidade das gerações futuras de suprir as suas".

Sobrinho Mala: “Hunnn, acho que entendi. Sustentabilidade é quando eu deixo de jogar um papel pela janela do ônibus e o guardo na mochila para jogar na lixeira. Não é?”

Sim, sobrinho. Podemos dizer que sim. Mas sustentabilidade vai muito mais alem do que deixar de jogar papel no chão.

Empresas, hoje em dia, usam a ‘sustentabilidade’ como diferencial competitivo de mercado. Adotam a filosofia de ser uma empresa sustentável e lançam-se no mercado como a ‘salvadora do planeta’... PARABÉNS as que realmente fazem a diferença.

Uma ação interessante é a parceria entre a Coca-Cola e o Wal Mart realizada desde 2008 onde neste programa são realizadas coletas de materiais sólidos, como: PET, isopor, alumínio etc. Este tipo de programa tem vários objetivos e metas, acredito eu, que a grosso modo, cada ação impactará de certa forma no que diz respeito ao:
  • Ambiente, melhorando a qualidade do meio em que está inserido;
  • Social, incentivando o cooperativismo entre as pessoas e a responsabilidade social que cada uma tem perante o meio em que vivem; e
  • Econômico, gerando receita com o material reciclado, reconhecimento da marca pelo mercado e redução dos custos com a otimização e racionalização do uso de ferramentas, insumos e processos.
Outra ação sustentável foi a do Mc Donald’s. Sua operadora brasileira trabalha com a idéia de implantação de ‘restaurantes verdes’, uma loja ecológica seguindo as diretrizes do US Green Building Council. (Veja matéria completa no blog ‘Amor ao Planeta’)

Atualmente, a grande maioria das pessoas e empresas estão atraídas pelo conceito de sustentabilidade e isto é o correto. Mas, gostaria de deixar claro que ter o foco na sustentabilidade é um compromisso e não mais uma onda para fazer sucesso.

Quando digo “nós todos”, estou incluindo pessoa física também. Nós temos as mesmas responsabilidades que as empresas têm. Não devemos desmatar, não devemos jogar lixo no chão, devemos incentivar o uso racional de nossos recursos naturais, racionalizar energia elétrica etc.

Esta semana estava relendo um artigo na Revista da Administração (CFA) de novembro/dezembro de 2008 e concordo com a seguinte colocação de Fernando Almeida (Mestre em Engenharia do Meio Ambiente pelo Manhattan College, de New York)
“a sustentabilidade começa a deixar as elites para se transformar numa bandeira da sociedade em geral”.
Sustentabilidade parece novo, algo que surgiu ontem. Mas não, já existe há muito tempo. Nós é que não prestamos a atenção nela.

Fica a pergunta para ser respondida nos comentários: Você se considera uma pessoa que busca a sustentabilidade do meio em que vive? COMENTE!!!

4 comentários:

Anônimo disse...

Gostei da informação e curiosamente a educação também se insere sobre três patamares: Família, Escola e Sociedade...demonstrando que existe uma ligação entre ambas, porém quando falamos de sustentabilidade, devemos colocar em questão a idéia de que não jogar lixo pela janela, de reciclar materiais de nada adianta se as mesmas empresas continuam disperdiçando outros tipos de recursos (Ex: água) que será considerada daqui há alguns anos o motivo de muitos conflitos. Então parem e pense que não adianta as empresas fazerem a parte deles pela metade, tal como nós também..isso não é só uma questão ecológica ou social..é uma questão de bom senso.

Eva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eva disse...

Muito boa a matéria!!!! É isso aí... precisamos cosncientizar as pessoas que o planeta precisa de ajuda!!!
Temos que ter a obrigação de saber de onde vem, o que fazemos e o que ocasiona os produtos e serviços que consumimos!!
Se organizações e consumidores fizerem sua parte nossa "nave azul" ainda terá chance de ser salva!!

Pensem nisso!!! Pesquisar e atuar para preservamos nosso meio ambiente é muito importante para nossa sobrevivência e nossas gerações futuras!!!!!!!

Richard disse...

Infelizmente, NÃO!
Faço algumas coisas como não jogar lixo na rua e etc.
Mas para mim, sustentabilidade está mais na mão do governo de conseguir medidas que acabem com locais onde o povo joga lixo... (só um exemplo)...
Bom senso vale muita coisa... mas tipo... mesmo na orla, preciso jogar um papel e não encontro lixeiro... se eu for qualquer um, jogo no chão e pronto!

Related Posts with Thumbnails